Archive for June, 2008

Iphone a US$199 é um erro ?

O lançamento do novo Iphone a US$199 vem gerando um bafafá enorme por aí. Estão falando até que o Iphone será a nova plataforma móvel!

Mas vamos pensar direito nisso aqui. Um produto apple é diferenciação, estilo, status. A qualidade e recursos do produto são apenas uma base para justificar racionalmente uma ação emocional: a compra de um Iphone. Ninguém comprou o Iphone exatamente por causa de seus recursos e design, mas todo mundo justificou com isso. Não tinha nem 3G, não aceita SDs e vendeu igual água. É diferenciação, estilo, status.

Um Iphone a US$199 não está indo diretamente contra isso ? É massificação, padronização. Daqui a algum tempo, classe C e D estarão com Iphones na mão. As pretensões de torna-lo um produto extremamente popular fazem sentido ? É possível, realmente, alguém se tornar o “Windows” dos celulares ?

Não estou fazendo previsões. É difícil e pretencioso prever o futuro. Estou observando o presente.

Comments (8)

Assim é fácil ….

Cenário:

CEO: “Vamos usar nossa base de dados e integrar com a base de 1 milhão de usuários do XXX, capturar essa oportunidade e gerar milhões!!! Olha que incrível sinergia!! Sucesso!!”

Criança: “Nossos usuários precisam disso ? Gostariam disso ?”

CEO: “Não importa, se 10% aderirem já seremos ricos.”

Criança: “Acho que nao é bem assim. Não é tão fácil assim. Nossos usuários precisam disso ?”

CEO: “Não importa, se 5% aderirem já seremos ricos!!”

Resultado: FAIL!

Parece ridículo, mas esse erro básico acontece todos os dias, em todos os lugares. É o jeito fácil de (não) fazer negócios. Pensar em “parcerias estratégicas” é mais fácil do que pensar em posicionamento e inovação.

Mais uma para o mundo das contas fáceis.

Comments (1)

Há algo de errado com a blogosfera brasileira

Há algo de errado com a blogosfera brasileira. A recente notoriedade que a blogosfera vem recebendo tem gerado algumas consequências interessantes. Vou citar rapidamente 4 delas:

A primeira é nítida queda da qualidade dos textos. Além disso, muitos bons blogueiros pararam de escrever. Os textos mais interessantes têm sido escritos por blogueiros “não famosos”.

A segunda é o bombardeamento de “posts pagos” e publicidade, muitos com resumos de eventos ou coisas parecidas, algumas vezes sem ligação nenhuma com o público do blog. [UPDATE] Recentemente, essa campanha veiculada no Brainstorm #9, dá sinais de que estamos chegando e passando do limite aceitável entre conteúdo e publicidade.

A terceira é o estreitamento do relacionamento entre os blogueiros, gerado pelos eventos presenciais e twitter, e que acabam convivendo com as mesmas informações e tendem a ter um mesmo ponto de vista. Enfim, acabam agindo em grupo.

A quarta é uma síndrome da grande mídia que começa a aparecer de modo geral. Agindo em grupo, parte da blogosfera acredita que pode determinar alguns caminhos que serão seguidos por outros milhares de usuários.

Luz amarela!

Comments (22)